Sábado, 8 de Maio de 2010

- Idanha/Zarza 2010

Idanha-a-Nova/Zarza la Mayor 2010 - 8 de Maio de 2010

 

No passado dia 8 de Maio realizou-se mais uma grande prova de BTT, foi em Idanha-a-Nova que 1300 participantes bravos guerreiros ousaram invadir os seus trilhos.

 

 


 

O dia amanheceu cinzento, e mesmo querendo ameaçar com uns chuviscos a caminho de Idanha, S. Pedro poupou-nos à partida. Por volta das 8h esta cidade já ostentava bastantes entusiastas pelas avenidas a fora. O início não oficial da prova foi dado depois de um pequeno briefing. Fomos então escoltados pelas motos descendo a calçada romana que liga à Sra. da Graça, povoação à saída de Idanha, local onde seria dada a partida oficial do evento. Passados uns minutos partimos na nossa cruzada. Para não variar o ritmo é elevado, constituindo um pelotão grande onde me incorporava juntamente com o Vítor Gamito. Brevemente chegavam os tão esperados trilhos. Nesta primeira zona pedalava-se com facilidade sendo muito rolante. Havia contudo, algumas estradas que iam aparecendo, ajudando a distribuir o pelotão pelos diferentes andamentos. Pouco depois chegaríamos a Zebreira ou seria o 1º abastecimento e onde parei para levantar o maldito espigão de selim que decidiu descer. Mania dos componentes leves!!! Ai já tinha descido para a 10º posição, indo o Vítor com uma vantagem considerável. Até Segura, onde seria o 2º abastecimento, era bom caminho mas o melhor ainda estava para vir. Finalmente encarámos com o Rio Erges, onde aproveitei a minha técnica para subir algumas posições e durante 8 km de trilhos consegui alcançar o grupo que perseguia o Gamito. Em Salvaterra do Extremo começava outra grande dose de trilhos muito sinuosos onde, mais uma vez, aproveitei para dar gás, chegando mesmo a ficar isolado a cerca de 300mt do Gamito. Na ponte qu atravessa o Rio Erges já me encontrava bem isolado a pedalar pelo alcatrão ate Zarza la Mayor. Chegando a esta simpática povoação espanhola a diferença era pouca, uns escassos 2m30 para o líder da prova. Toulões era o próximo ponto de passagem, e com alguma distância ate lá, decidi abrandar e esperar pelo grupo que vinha atrás. Ir sozinho pode ser prejudicial, para o físico e para a mente. Em Alcafozesestava breve a aparecer no horizonte, nesse ponto vinha já acompanhado dos atletas, Marco Silva (Team GNP) e Francisco Travassos (CAMIR). Desta localidade até à albufeira da Barragem Marechal Carmona seria um pulinho. Aportamos esta zona a descer a uma velocidade alucinante sempre na companhia destes 2 atletas. A barragem estava lindíssima, fazendo-me recordar a barragem de Ota que este ano também nos deu as honras de deslumbrar a sua beleza e magnificência. Contornamos a barragem a sul descendo de seguida ate à sua base, onde nos esperava mais uma subida. Ainda não foi essa a decisiva, pois mantivemo-nos sempre juntos. Quando chegamos à Sra. da Graça para dar rumo à bicicleta pela calçada a cima, tudo nos passa pela cabeça, e é nestes momentos que temos de invocar todas as forças, as que permanecem e as que desconhecemos que temos. É nestas alturas que me arrependo de ter pedaleira dupla. A subida era dura e o Marco acelerou um pouco para se descolar, ficando apenas eu e o Francisco. A grande carga horária de treinos dada pelo Rui Pancadares (Mister) fazia-se sentir. Chegando ao fim foi tempo de recuperar, o motor vinha a cem à hora depois de um sprint final para assegurar o podio. Ficou assim concluída mais uma prova na “Catedral do BTT”, zona rica em grandes eventos de qualidade. Sem dúvida que esta prova é o exemplo de tudo a que um entusiasta de BTT quer para se poder divertir sem ser extremamente competitiva. o espírito BTT esta sempre presente nos atletas, staff e todos os que assistem euforicamente a este evento.

 

 

Depois de um banho aconchegante e de um banquete digno de um Rei, foi realizada a entrega de prémios. Nas classificações, o triunfo coube a Vítor Gamito representando a equipa GoldNutrition/Barbo Racing, em 2º ficou o atleta do Team GNP, Marco Silva, e em 3º Carlos Vitorino (eu mesmo) da equipa Biozone Pharma/Eafit/Rbikes, Nas senhoras damos os parabéns à vencedora, Célia Pereira dos “Migos da Bina”, Ana Vale da equipa G.D. Creixomil e Susana Pontes figurando a equipa CPOC - Loja das Bicicletas foram 2ª e 3ª classificadas correspectivamente. Na meia maratona, Nuno Caeiro e Alexandra Sucena foram os mais rápidos nas suas categorias. Na Maratona Estafeta que não deixa de ter credito, os vencedores foram Samuel Lopes e o seu irmão Rafael Lopes caracterizando a equipa LENAMOTOS. Um bem-haja a todos os que ajudaram a organizar este fabuloso evento e a todos os que nele participaram. Esperamos pela edição de 2011 que tenha mais sol, mas não demasiado!

Bora lá 2011!!!

 

Mais fotos no Álbum de fotos BTT ou aqui

Carlos Vitorino às 01:32
|

MENU

RESCALDOS

- 2º Encontro Cannondale

- Pedestre no Barril

- Geo-Raid Estrela '10

- 1º Encontro Duros '10

- Alvalade-P.Côvo 2010

- Idanha/Zarza 2010

- Open BTT Cartaxo 2010

- Trilhos de Ota '10

- Geo-Raid Ald. Xisto 08

- 4º Raid Oeste '08

- Raid Selinda BTT 2008